Saíram os confrontos da Champions!


Grupos da Champions

Como era de se esperar, o sorteio da fase de grupos da Liga dos Campeões da Uefa 2017/18 pôs alguns times fortes no mesmo grupo, enfrentando-se já nessa fase inicial. Isso se deu devido ao critério da Uefa, que colocou como cabeças de chave os campeões nacionais dos oito países mais bem rankeados pela entidade. É um critério no mínimo discutível, pois faz do Shakhtar Donetsk e do Spartak Moscou cabeças de chave, enquanto Paris Saint-Germain e Barcelona estavam no pote 2, e até mesmo o Tottenham, vice-campeão inglês, ficou no pote 3. No entanto, não podemos reclamar de ver Bayern x PSG ou Real Madrid x Tottenham já na fase de grupos, não é mesmo?

Além dos confrontos já mencionados, também chamam a atenção os enfrentamentos entre Real Madrid e Borussia Dortmund e entre este e os Spurs, que, com a adição do Apoel, formam o grupo H. Nesse que provavelmente é o chaveamento mais forte, o duelo entre os atuais bicampeões e os Aurinegros alemães repete alguns dos melhores jogos recentes da Champions. Na última temporada, ainda na fase de grupos, dois empates em 2 a 2 - e os Merengues terminaram com a segunda colocação do grupo -; em 2013/14, o Real venceu por 3 a 0 em casa e quase viu a classificação à semifinal escapar ao ser derrotado por 2 a 0 no Signal Iduna Park; e na semifinal de 2012/13 o Dortmund, então dirigido por Jürgen Klopp, avançou à final alemã contra o Bayern depois de duas partidas espetaculares: derrota por 2 a 0 na volta no Bernabéu após uma espetacular vitória por 4 a 1 na ida, com quatro gols de Lewandowski. Vale a pena lembrar ainda que nesse mesmo ano ambos os times também se enfrentaram na fase de grupos, com o Borussia levando a vantagem - e a liderança da chave - após uma vitória (2-1) e um empate (2-2).

Este ano, o Real Madrid começa a temporada voando - vitória sobre o Manchester United na Supercopa da Europa e humilhação sobre o maior rival Barcelona na Supercopa da Uefa -, enquanto o Dortmund de Peter Bosz ainda é uma incógnita, mas a vocação ofensiva não deve mudar. Outro time que há algumas temporadas tem um dos melhores ataques da Europa é o Tottenham, que vai brigar com Real e Borussia por uma vaga nas oitavas de final. Mesmo que tenha sido discreto na janela de transferências, o time de Mauricio Pochettino é forte concorrente na Inglaterra e, se conseguir conciliar a Premier League com a Champions - além, é claro, da FA Cup e da Copa da Liga -, pode dar trabalho também na competição europeia. Na última temporada, os Spurs foram um dos vexames do torneio, mas vale lembrar que em 2010/11 eles protagonizaram algumas das melhores partidas da competição, incluindo uma vitória de 3 a 1 e uma derrota por 4 a 3 para a futura campeã Inter de Milão. À época, o Tottenham era comandado por Modric e um endiabrado Bale, que agora irão reencontrar a ex-equipe.

Outros grupos que chamam a atenção nessa fase são o B, com Bayern, PSG, Anderlecht e Celtic, e o D, com Juventus, Barcelona, Olympiacos e Sporting. No entanto, o equilíbrio de chaves com equipes menos estelares pode render uma briga por vaga mais atrativa, mesmo que os confrontos entre Bayern e PSG e Juve e Barça sejam alguns dos principais duelos desta fase inicial. Chamam a atenção o nivelamento dos grupos C, com Chelsea, Atlético de Madrid, Roma e Qarabag, e G, com Monaco, Porto, Besiktas e RB Leipzig. A chave C reúne três grandes equipes e um azarão do Azerbaijão, que contará com a distância e o cansaço dos adversários para tentar tirar alguns pontos dos adversários. Já o grupo G terá a reedição da final de 2003/4, uma enlouquecida torcida turca e o vice-campeão alemão.

Além de todas as grandes partidas já mencionadas, ainda teremos Liverpool x Sevilla, Manchester City x Napoli, Manchester United x Benfica e outros. Aliás, no primeiro dia de Champions, 12 de setembro, a diversão começa logo com Barcelona x Juventus, reedição da final de 2015. Chega, 12 de setembro!

Crédito: Uefa

You Might Also Like: